Zagueiro Ronaldo Alves é 'amuleto' do Sport diante do Bahia Nos quatro jogos que fez até agora diante do Bahia, Ronaldo Alves não sabe o que é sair de campo derrotado pelo Tricolor de Aço - TupanatingaFm

Últimas Notícias

Zagueiro Ronaldo Alves é 'amuleto' do Sport diante do Bahia Nos quatro jogos que fez até agora diante do Bahia, Ronaldo Alves não sabe o que é sair de campo derrotado pelo Tricolor de Aço

Ronaldo Alves durante jogo do Sport
Ronaldo Alves durante jogo do SportFoto: Williams Aguiar/Sport Club do Recife
Contratado junto ao Náutico no meio de 2016, o zagueiro Ronaldo Alves já viveu altos e baixos no Sport. Com tantas trocas de treinadores, o atleta alternou entre titularidade e banco de reservas no ano passado, por exemplo, quando atuou em “apenas” 47 jogos dos 91 que o Sport fez, terminando a temporada no banco de reservas. Além disso, também sofreu com algumas lesões.
Conseguindo uma bela sequência nos últimos jogos, Ronaldo Alves foi titular nas últimas duas partidas que o Leão fez até agora no Campeonato Brasileiro 2018, ficando de fora apenas na derrota para o América/MG. Na ocasião, o então treinador Nelsinho Baptista optou por Léo Ortiz e Ernando na dupla de zaga.
Na próxima rodada, diante do Bahia, neste domingo (06), o jogador se dará ao luxo de ser um amuleto leonino.
Aos 28 anos e com 283 jogos como profissional, Ronaldo Alves ainda não sabe o que é perder para o Bahia. Em quatro partidas feitas até agora, o jogador venceu duas e empatou duas. “Lógico que cada partida é uma história, mas fico muito feliz de ter esse retrospecto positivo diante do Bahia. É um grande clube do futebol. Sabemos da dificuldade da partida, mas jogando diante da nossa torcida espero manter essa invencibilidade contra eles para fazer o Sport subir ainda mais”, disse o zagueiro.
Jogos de Ronaldo Alves contra o Bahia:
25/11/2012 – Bahia 1×1 Náutico (Série A)
11/08/2015 – Bahia 1×1 Náutico (Série B)
21/11/2015 – Náutico 1×0 Bahia (Série B)
30/07/2017 – Bahia 1×3 Sport (Série A e Ronaldo Alves marcou um gol)


Por: Gustavo Lucchesi, repórter da Folha de Pernambuco

Nenhum comentário